x

Simulador de financiamento


1
2
3
4
5

Selecione a sua região

Selecione a sua cidade

Primeiro apartamento: tudo que você precisa saber até o dia da mudança!

Seja pela privacidade, liberdade ou vontade de ter um cantinho personalizado ao seu gosto, morar sozinho é o sonho de muitos brasileiros. Mais do que isso, adquirir o primeiro imóvel tem se tornado uma das opções mais rentáveis e buscadas. Vale ressaltar, entretanto, que  essa mudança vem com vários passos, desde o financiamento e compra do apartamento, até a parte mais aguardada de decorar e mudar. 

Para ajudar quem decidiu dar este passos em suas conquistas e investir no primeiro apartamento, a Prestes montou um guia completo para te ajudar a providenciar e priorizar tudo o que você vai precisar, confira!

Pré-Mudança: 4 coisas para ter em mente!

Antes do tão desejado dia da mudança, é preciso se atentar e planejar alguns passos. Veja:

  1.  Leia o regimento interno do condomínio! Muitas vezes longo, este material é facilmente passado para o final da lista de prioridades, entretanto, é aqui que estarão todas as diretrizes do seu condomínio. Que dia pode fazer mudança? Em qual horário? Posso ter ajuda de terceiros? Todas as informações e normas gerais são informadas aqui, portanto, não deixe de ler antes de planejar a mudança. 
  2.  O Grupo do Whatsapp é um aliado: antes mesmo de você se mudar, é interessante solicitar ao síndico que seu número seja adicionado aos grupos do condomínio. Isso porque aqui são discutidas pautas que vão para a assembleia, informativos diários, além de ser um excelente canal de comunicação para conhecer os vizinhos. 
  3.  Planeje as viagens do caminhão de mudança ao apartamento! Aqui, a palavra chave é planejamento. Verifique o peso suportado pelo elevador e quais móveis precisam ser carregados pela escada. Assim, você prioriza os horários de maior movimento e intensidade, deixando as caixas e decorações para o final do dia, já que em poucas viagens conseguem ser descarregados. 
  4.  Atenção à sua chave e às cópias. Aqui, antes da mudança é indicado que você tenha pelo menos duas cópias de sua chave. Caso decida trocar a fechadura, faça isso antes do processo da mudança, para já garantir as cópias e evitar dores de cabeça com imprevistos.

Lembre-se dos essenciais!

Com a mudança planejada, não esqueça de lembrar dos essenciais, como água, luz e internet. Caso já tenha um cadastro com o seu CPF na companhia elétrica, solicite a transferência para o novo endereço, já para quem está realizando o processo pela primeira vez, basta fazer o cadastro pelo telefone ou site disponibilizado. 

Após isso, lembre-se de verificar e ligar os registros para conseguir abastecimento dentro de sua unidade. E, por fim, lembre-se de solicitar a instalação da internet com, pelo menos, 1 semana de antecedência. Isso porque com a alta adesão ao home office, os horários das companhias de internet estão cada vez mais disputados, podendo levar até 1 mês para seu wi-fi ser conectado. 

Por fim, uma dica que não entra nos essenciais, mas que vale o estudo: móveis planejados. Além de trazer um senso de organização e decoração, os móveis planejados são extremamente práticos no dia a dia. Por isso, vale tentar entender os valores e possibilidades de projeto para seu apartamento!

Depois da Mudança: atenção à organização!

Morar sozinho inclui vários desafios, como lidar com as contas, manutenção do apartamento, mas principalmente a organização! E aqui não estamos falando apenas de manter a ordem dentro de casa, mas também dos detalhes da construtora. Entenda!

  • Revise, organize e guarde seus documentos!

Sabe aquele velho conselho de mãe? “Guarda seus documentos em uma pastinha para não perder”, então, ele nunca foi tão real quanto a primeira vez que se decide morar sozinho. Em uma pasta grande, guarde todas as informações legais referentes ao seu apartamento, como escritura, planta hidráulica e contratos de instalações (internet, móveis etc). Isso porque são documentos muito importantes e precisam, além de serem bem conservados, estar de fácil acesso à você. 

Além disso, guarde todos os recibos dos pagamentos dos primeiros meses! Se você optar por faturas digitais, lembre-se de salvar o comprovante de pagamento e deixá-lo em uma pasta na nuvem. Assim, você não corre o risco de perder nada!

  • O planejamento financeiro deve continuar!

Além da compra do imóvel, o planejamento financeiro precisa continuar! Independente se a compra do imóvel foi à vista ou financiada, existem custos que precisam ser considerados, como custo de condomínio, eletrodomésticos, eletroportáteis, decoração, pequenas reformas e, claro, uma reserva para emergências. 

Aqui, o grande aliado é a priorização das compras! Pense, após a mudança, qual será seu foco? Para quem quer receber amigos e familiares, investir em um sofá pode ser a melhor opção, já para aqueles que anseiam as noites de maratonas de filmes e séries, priorizar eletrônicos como televisão também pode ser considerado. Agora, para quem pretende diminuir os gastos com delivery ou simplesmente colocar as habilidades culinárias em jogo, uma cozinha equipada é essencial! 

Vale lembrar aqui: antes de comprar qualquer móvel ou eletrodoméstico, considere as contas fixas, como condomínio, água, luz, gás e internet! Somente depois desta reserva separada, estime a quantia disponível para outros gastos. 

  • Novo apartamento, nova voltagem? 

Na correria da mudança, uma informação que pode passar batido é a voltagem das tomadas. Ainda que o empreendimento tenha uma voltagem padrão, certas tomadas podem ser diferentes e, ao mesmo tempo, alguns eletrodomésticos e eletroportáteis também. Por exemplo, se o imóvel para o qual você está se mudando é 110V, mas seu forno elétrico é 220V, será necessário contratar um eletricista para alterar a voltagem. 

É legal prever esta alteração antes da mudança, assim, na hora da limpeza final você garante que não terá um esforço dobrado!

  • Crie uma lista com prestadores de serviços!

Imprevistos acontecem e é natural que nos adequemos à eles, entretanto, para economizar na dor de cabeça com os imprevistos, é importante ter uma lista de contatos para prestação de diversos serviços, como técnicos hidráulicos, eletricistas, responsáveis pela manutenção do aquecedor à gás e, até mesmo, um “marido de aluguel” para ajudar com aquelas pequenas necessidades. 

A dica, aqui, é priorizar profissionais próximos à sua região, garantindo um atendimento mais rápido e valorizando a mão de obra local!

Fique atento às regras e leis em sua mudança!

Quando tomamos a decisão de morar sozinho e, além disso, optamos por investir no primeiro apartamento, é comum não pensar ou, até mesmo, não saber sobre algumas regras e leis. Um exemplo, você sabia que é contra a lei proibir animais de estimação em um condomínio?

O direito de propriedade da Constituição Federal garante que você possa, sim, ter um animal de estimação em casa. O que acontece é que existe uma restrição, que varia de condomínio para condomínio, em relação ao tamanho do animal e os limites para acesso às dependências coletivas, como transitar com os pets apenas no colo ou com uma guia.

Então, agora que você já sabe tudo que precisa para fazer uma mudança tranquila, que tal entrar em contato com a Prestes e investir em apartamento de condomínio fechado? Nossos consultores estão à disposição para atender você! 

Rate this post